Edição 312 | 2017

Home/ Revista/ Edição 312/ Turismo


Clique para ver a versão impressa [+]
27/11/2017 09:58

A magia do Natal Luz

Com tradição de mais de 30 anos, a cidade de Gramado apresenta o Natal Luz 2017

Divulgação
As cidades de Gramado e Canela, são palco de um dos espetáculos de Natal mais procurados do Brasil. O evento, que chega a sua 32ª edição, espera receber esse ano cerca de 2 milhões de visitantes. A grande quantidade de atrações, pagas e gratuitas, garantem que o visitante não saia de Gramado sem apreciar todo o encantamento que a época proporciona e fica até difícil conciliar outros passeios, que também são imperdíveis, caso você não reserve, pelo menos, cinco dias para visitar a cidade.

Rotatórias, canteiros, jardins, absolutamente tudo fica tomado pelas decorações e atrações de Natal e permanece intocado até o dia 14 de janeiro.

O show de acendimento de luzes é um dos mais procurados. O espetáculo, gratuito, reúne milhares de visitantes todas as noites, às 20h30, em frente a Rua Coberta. Para apreciar o show com todos os seus encantos, o ideal, assim como para todas as demais atrações, mesmo aquelas pagas, é chegar cedo. 

Também gratuita, a Parada de Natal atravessa o centro de Gramado às sextas, sábados e domingos às 16h. Já a Vila de Natal está aberta a visitação todos os dias a partir das 10h com apresentações variadas às 16h, na Praça das Etnias. Dentre as atrações pagas, três disputam de forma acirrada a preferência do público, o Grande Desfile de Natal e o Natal pelo Mundo, que acontecem na Expo Gramado e os Reencontros de Natal, ao ar livre, no Lago Joaquina Rita Bier. Esses três espetáculos contemplam grande número de artistas e formam belas produções, tornando-se os ‘queridinhos do Natal Luz’. Cada um deles custa R$140 por pessoa e quem quiser garantir seu ingresso e comprar pela internet (muito recomendado), paga ainda uma taxa de R$15 por ingresso.

Gastronomia
Cada espetáculo noturno é seguido por uma ‘corrida’ em busca de uma bela refeição para finalizar a noite com chave de ouro. Opções não faltam. Com gastronomia farta e muito variada, não é exagero afirmar que os restaurantes da cidade estão preparados para todos os paladares. Desde jantares temáticos alemães e gaúchos passando por delícias a la carte e até rodízio de fondue. Apesar do preço ‘salgado’, que pode chegar a R$170 por pessoa, não há como não se apaixonar pela deliciosa gastronomia de Gramado (consulte e reserve com antecedência).

Para quem gosta de noites temáticas, a pizzaria Cara de Mau, é uma das grandes atrações gastronômicas da cidade. O local oferece uma noite ‘a bordo’ de um navio pirata com direito a minibalada e distribuição de rum para os frequentadores. As pizzas são uma atração a parte e a dica é experimentar as inéditas picanha com farofa e camarão apimentado. O local conta ainda com espaço kids mas a criançada se diverte também na mesa enquanto acompanha a movimentação dos piratas e as brincadeiras com os tripulantes do navio, os clientes.

A cidade está toda preparada para receber famílias com crianças. A maioria dos lugares disponibilizam espaço kids e alguns restaurantes possuem até monitoramento por câmera para que os pais possam almoçar ou jantar tranquilos enquanto os filhos brincam. As crianças são, sem dúvida, privilegiadas em uma cidade que se prepara todos os anos com muito carinho para encantá-las e emocionar a todos.

As lojas e fábricas de chocolate também ocupam cada quarteirão de Gramado. Fica até difícil saber qual é o mais gostoso. Na dúvida, prove todos eles! Cada loja recebe os visitantes com degustação de chocolate e fica impossível resistir a tantas delícias. Algumas delas, como a Caracol, possuem um tour pela história do cacau e a criação do chocolate (R$18 por pessoa), enquanto outras como a Florybal encantam os visitantes com enormes bonecos e cenários prontos para uma foto divertida.
Fora do circuito de Natal, muitos passeios se destacam. Conheça um pouquinho de alguns deles:

- Parque Terra Mágica Florybal: a visita, que se inicia em uma mina que esconde muitas surpresas, é simplesmente encantadora. O parque possui diversas áreas temáticas que desvendam os segredos dos animais, dos índios, da mitologia e dos dinossauros, e vale a pena conhecer todas elas. O local também é habitado por fadas que fazem pinturas artísticas e pelo mago que deu nome ao parque e que, sem dúvida, é a melhor atração da Terra Mágica. Após o circuito completo, o visitante chega a uma cabana onde é recepcionado por Florybal que imediatamente convida os visitantes para uma jornada de amor e esperança, onde as crianças se tornam a peça central na viagem em busca dos sonhos e das alegrias. Vale a pena ‘embarcar’ na história e desfrutar os ensinamentos do ‘grande mago’. (R$60 por pessoa).

- Parque Vale dos Dinossauros: inspirado nos filmes de Steven Spielberg, o parque está repleto de dinossauros que se movem e emitem rugidos. Alguns animais chegam a medir 10 metros de altura e se ‘escondem’ nas trilhas do parque. A visita é curta e leva, em média, 30 minutos para os adultos e uma hora para quem estiver acompanhado de crianças. (R$50 por pessoa). O parque faz parte das atividades do Grupo Dreams que comercializa um combo de suas atrações que, além do Vale dos Dinossauros, inclui: Dreamland Museu de Cera, Hollywood Dream Cars, Harley Motor Show e Salão Super Carros. Se a sua ideia for conhecer mais de um desses locais, é interessante checar o valor do passaporte promocional que dá acesso a todos eles durante sua estadia em Gramado.

- Dreamland: é o primeiro museu de cera da América Latina e proporciona o ‘encontro’ dos visitantes com personalidades do cinema, grandes pensadores, super heróis e figuras importantes da política de todo o mundo. O valor de entrada é R$75, por isso vale a pena perguntar pelo combo antes de adquirir seu ingresso.

- Mini Mundo: o parque ao ar livre é formado por réplicas fiéis de prédios de várias partes do mundo, ricas em detalhes e únicas, baseadas em seus respectivos projetos originais. Juntas, elas constituem uma cidade em miniatura, animada por milhares de mini-habitantes, onde tudo é 24 vezes menor do que a realidade. (R$36 por pessoa).

- Snowland: se você tem, além de curiosidade para conhecer a neve, muita paciência para encarar grandes filas, reserve um dia para conhecer esse parque temático. Aqueles que conseguem encarar com bom humor a demora para entrar no local, encontram lá dentro um simulador de esqui 7D, patinação no gelo e uma montanha de neve (com fila de espera que pode chegar a duas horas) que é a principal atração do local. Lá os visitantes recebem uma roupa especial para encarar o frio que pode chegar a -5oC. Ainda assim, se o seu objetivo é curtir com intensidade essa parte do passeio, é primordial levar roupas quentes, cachecol, gorro, duas meias e luva (o local fornece luva porém ela não é impermeável e você com certeza vai querer colocar a mão na neve). Na montanha, o visitante pode descer de escorregadores de gelo com boias especiais e até fazer aulas de esqui (pagas a parte). O custo do passeio costuma variar, no mês de dezembro, a entrada pode custar até R$169 por pessoa.
Divulgação
Divulgação