Edição 312 | 2017

Home/ Revista/ Edição 312/ Natal


Clique para ver a versão impressa [+]
27/11/2017 08:13

Celebrar e refletir

Saiba como envolver toda a família na montagem da decoração e veja dicas para alcançar seus objetivos em 2018

Divulgação
Divulgação
Próximo ao Natal, a rede varejista já se prepara para enfrentar a melhor época de vendas para o setor. O levantamento de expectativa de vendas para o Natal, feito pela FCDLESP (Federação das Câmaras de Dirigentes Lojistas do Estado de São Paulo), mostra que os empresários estão levemente confiantes nesse momento. O crescimento médio para o Natal de 2017 deve ser de 5%, com um ticket médio que varia de R$50 a R$150, dependendo da cidade.

A pesquisa realizada com a participação das principais Câmaras de Dirigentes Lojistas do estado confirma um Natal mais otimista, mesmo considerando o cenário econômico de insegurança que ainda aflige os principais empresários do varejo – principalmente o pequeno lojista.  “O Natal é a data mais positiva do ano para o varejo. Mesmo havendo Black Friday em novembro, a tradição do Natal é muito forte entre os brasileiros. Para 2017, acreditamos numa ligeira melhora mesmo sabendo de toda a influência da economia no País”, explica o presidente da FCDLESP, Mauricio Stainoff.

O interior do estado também se mantém mais otimista, inclusive nas previsões de contratações temporárias. “A Black Friday já é um período bom para o comércio, tanto para vendas como para contratações, que seguem até o Natal. Para 2017, a expectativa é que as vagas tenham aumento de 10%”, acredita Stainoff. Na região da capital e grande São Paulo os lojistas, principalmente do comércio de rua, mantém expectativa de aumento de 3% com ticket médio de compra entre R$ 100 e R$ 150.

Casa decorada
Além de fazer de tudo para garantir pelo menos uma lembrancinha a cada integrante da família, a decoração da casa para a chegada do Natal também já é tradição entre os brasileiros. Árvores, pisca-pisca, guirlandas e presépios, são apenas algumas das opções para entrar no clima de festa. Para o momento ficar ainda mais animado, e transformar o ato de organizar em uma oportunidade de interagir e se divertir em família, a personal organizer Luara Faria recomenda envolver as crianças. “Organizar pode ser uma tarefa muito prazerosa, ainda mais quando se trata de arrumar a casa para as festas de final de ano. Escolher e separar os enfeites de Natal e montar a árvore são tarefas em que podemos incluir as crianças e ensinar um pouco sobre organização para elas”, garante. Confira as dicas da personal organizer para engajar a criançada:
Roteiro de compras: Antes de sair às compras, verifique entre os enfeites dos anos anteriores, aqueles que podem ser reaproveitado. Faça uma lista com o que precisa ser providenciado e dê preferência a lojas com grande variedade de itens, evitando que as crianças se cansem. Transforme o ato de comprar novos enfeites e adornos em algo divertido, dê aos pequenos a missão de indicar nas gôndolas determinado objeto ou cor que combine com o seu projeto.

Categorização: Junte as novas peças com os itens que você já tinha em casa e peça para as crianças ajudarem a separar. Vale fazer a separação por ambiente ou mesmo por tipo de item. Durante esse processo, mostre para eles o quanto armazenar os itens por categorias pode facilitar o serviço.

Criatividade em alta: Peça ajuda para pendurar os enfeites na árvore de Natal, colocar os personagens no presépio ou estender a toalha na mesa. Deixe que eles soltem a imaginação e criem alguns itens que ajudarão a compor a decoração, vale ensinar dobras simples com o guardanapo ou mesmo fazer enfeites para a árvore abusando de itens como glitter e E.V.A.

De volta para o lugar: Passadas as festas, a tarefa é desmanchar a decoração e armazenar os itens corretamente para o próximo ano. Mais uma vez, a participação das crianças é muito bem-vinda, e garante oportunidade de transmitir algum conhecimento sobre organização. Peça para os pequenos retirarem os enfeites que estejam ao alcance deles e separá-los por categorias, lembrando o quanto isso facilitou na hora da montagem da decoração. Guarde os itens categorizados em caixas adequadas, e cole uma etiqueta com nome ou fotos dos itens na parte externa das caixas para facilitar a identificação. Caixas de ovos podem ser usadas para armazenar bolinhas de Natal, miolo de papel toalha para enrolar os pisca–piscas e jornais para embrulhar as peças do presépio, assim você também ensina sobre sustentabilidade.

Tempo de refletir
O momento de celebração e união familiar também deve ser encarado como uma oportunidade para pensar sobre suas conquistas e desafios superados, além de definir novos objetivos e metas para o próximo ano.
Quantos de nós desejamos: galgar um novo degrau na vida profissional, iniciar uma atividade física, melhorar a qualidade da alimentação, perder peso, fazer novas amizades, encontrar um novo amor?
“Na primeira semana de janeiro estamos 100% motivados, com as metas vivas em nossas mentes e isso nos confirma que este será um ano totalmente diferente... Será?!”, questiona a psicóloga, diretora da Rumo, especialista em gerenciamento do estresse e terapeuta de casais, Rosalina Moura.
De acordo com a instituição americana Stephen Shapiro, cerca de 92% das pessoas que traçam metas para o ano novo fracassam independente da área em que estabeleceram essas metas. O estudo revela ainda que 49% das pessoas têm insucesso frequente, ano após ano, no alcance de suas metas e 24% nunca têm sucesso e sempre falham. “Isso abala a autoestima e faz desabar a autoconfiança na capacidade de mudar... Por que isto acontece? Talvez encontremos dificuldades em iniciar os passos na direção das mudanças desejadas, ou imprevistos vão acontecendo ao longo do caminho que sugam as nossas energias, drenam a nossa motivação e nos fazem perder o foco do que realmente é importante na nossa vida”, ressalta a especialista.
Confira as dicas de Rosalina para driblar este cenário e alcançar suas metas e objetivos no próximo ano:

1. Tenha em mente onde você está hoje
Quando se pensa em mudança é essencial refletir sobre o momento presente, sobre o quanto você está satisfeito ou não com cada área da sua vida. Assim você conseguirá definir o seu ponto de partida frente aos seus objetivos.

2. Defina para onde você quer ir
Identifique as áreas em que você gostaria de realizar mudanças e os resultados que deseja alcançar. Defina com o máximo de detalhes como você quer se encontrar daqui a um ano. Seja bem específico!

3. Dê o primeiro passo!
Olhando para onde você está hoje e para o seu futuro daqui um ano, há uma linha coerente entre esses dois períodos? Por vezes queremos alcançar um objetivo, mas não temos estrutura que nos dê suporte para alcançá-lo. Reflita sobre o caminho a seguir. Para começar você precisa dar o primeiro passo... que passo será este?

4. Defina metas realistas
As metas são essenciais pois nos aproximam do objetivo e nos dão o parâmetro para sabermos se estamos no caminho desejado. Portanto, na hora de traçar as suas metas quebre-as em metas menores e seja específico e realista. Crie metas que sejam mensuráveis, alcançáveis e estabeleça um prazo para colocá-las em ação.

5. Crie estratégias para driblar os desafios e obstáculos
Se antecipe aos desafios que terá para galgar cada degrau e bole um plano para driblá-los de forma que não se tornem um impedimento, mas sim oportunidades de aprendizado.

6. Comemore as conquistas
Não importa o tamanho da conquista, ela tem que ser reconhecida, valorizada e comemorada! Valorize o que você já conseguiu.

7. Faça um plano de prevenção de recaídas.
Quem nunca fez uma mudança e algum tempo depois recaiu? Isso gera frustração e pode até diminuir nossa confiança. Evite que isso aconteça criando estratégias para se manter no caminho, fortalecendo os “porquês” da mudança e valorizando suas conquistas.
“Para potencializar as chances de sucesso, faça um planejamento que possa estar sempre a mão para ser revisto. Estes passos podem ajudar a transformar os sonhos em realidade e a potencializar as suas conquistas pessoais e profissionais para o próximo ano”, finaliza a especialista.

Natal Bois de Rose no Shopping Anália Franco,
Com predominância de madeira e das cores rose, cinza, vermelho e branco, o cenário principal contará com uma árvore de Natal de 13 m. Além dela, a Casa do Lenhador reserva uma divertida surpresa: os visitantes serão entrevistados pelo Repórter Neves, um boneco de neve muito animado, que ganha vida através de projeção mapeada. Os pequenos também se divertem com os carrosséis e os bancos e túneis em formato de tronco. E para aqueles que quiserem guardar este momento mágico, a dica é tirar fotos em cima do trenó, ou ao lado do urso gigante de 2,60 m. Além do trono do bom velhinho, a casa do papai Noel terá uma caixa de correio especialmente preparada para as cartinhas de pedidos.

Fantástica Fábrica do Noel no Complexo Tatuapé
O Shopping Metrô Tatuapé transportará seus frequentadores ao mundo secreto do Papai Noel. O circuito mágico passa por cinco ambientes que representam a preparação do Papai Noel para o Natal, como seu espaço de trabalho, as cartinhas dos pedidos e o depósito onde os brinquedos ficam armazenados. Já o Shopping Metrô Boulevard Tatuapé promete muita adrenalina com um escorredor gigante de aproximadamente seis metros de altura. Para completar, o bom velhinho apresenta a Árvore de Natal Encantada, com seis gôndolas em formato das tradicionais bolas de Natal com capacidade de 18 pessoas por passeio. O valor é de R$ 15 por pessoa.  Vale a pena consultar os valores para as outras atrações, algumas são gratuitas.

O Fabuloso Circo de Natal no Shopping Penha
Neste ano, o Shopping Penha une personagens natalinos e circenses misturando a magia do Natal com os encantos do circo, promovendo uma experiência única para o público. No cenário principal, a árvore de mais de nove metros de altura divide espaço com os picadeiros dos personagens principais da decoração. Na visita ao espaço, o público encontra personagens animatrônicos como o Papai Noel Malabarista, Equilibrista, Apresentador de Circo e o Homem Bala. Para tornar a visita ainda mais divertida, é possível fazer fotos em um dos picadeiros, simulando o Homem Bala. Durante o mês de dezembro, haverá ainda oficinas circenses para as crianças, aulas para confecção de guirlandas, pinheiros e enfeites de Natal e o lanche da tarde com o Papai Noel. Dentre as atrações está ainda uma exposição de presépios, com mais de 70 peças selecionadas do acervo pessoal da produtora cultural Hilda Breda.

Natal Park Nevado no Central Plaza Shopping
O cenário principal traz uma grande casa lúdica e de formato engraçado, sendo o destaque da decoração. Nela, as imagens dos visitantes são captadas por um monitor e refletidas na janela externa, possibilitando que tirem suas fotos. Além disso, no jardim, um grupo de pinguins canta músicas natalinas. Ao redor da casa, um escorregador no Pinheiro Gigante se encarrega da diversão, além da Caixa D’água de Boneco de Neve. Para completar o encantamento, um show de neve acontece a partir das 12h, com 20 minutos de duração, repetindo a cada hora cheia para dar ainda mais vida ao Natal do Park Nevado.
Divulgação