Seu bairro

Home/ Notícias Online/ Seu bairro/ Memórias do Parque São Lucas

Memórias do Parque São Lucas

Publicada em : 29/04/2011

Bairro completou 66 anos no final de janeiro

O Parque São Lucas, se comparado aos seus vizinhos, pode ser considerado um bairro jovem. O sobrenome dos irmãos Antônio, Luís e Domingo de Luccas, deu nome ao local que teve um início tímido e passou por muitas transformações. A chegada de seus primeiros moradores aconteceu em 1944, com a igreja, a escola de madeira e alguns comércios típicos que já não existem mais. Mesmo considerado o caçula da região, muitos dos pioneiros não estão mais por lá, e os que ainda resistiram ao novo bairro no qual se transformou o Parque São Lucas, agora, dividem o espaço com os recém-chegados.

Da velha guarda
Entre os residentes que cresceram na região, encontramos João Miquelof que relembra com carinho o trabalho realizado pela associação de moradores. “Das ruas principais, quem chegava ao bairro, podia avistar arcos, dando boas vindas aos visitantes”, conta enquanto caminha pelas redondezas e aponta, a cada esquina, lojas do comércio que se mantiveram vivas ao longo dos anos.

À procura de relíquias
Durante a empreitada que visava localizar fotos antigas do bairro, encontramos Paulo Roberto Crude, o Paulinho, que nos cedeu algumas das imagens que ilustram essa reportagem. Dentro de um envelope branco, um tesouro guardado pelo morador, no qual podemos avistar a antiga igreja São Filipe Néri e uma das suas reformas, a ponte de madeira improvisada para não atrapalhar a passagem do ônibus e as fachadas dos antigos pontos de comércio numa das principais ruas do bairro, a Av. São Lucas.

Um marco que resistiu aos anos
A Igreja São Filipe Néri sobreviveu ao tempo e é um marco que gerou muitas histórias na região. Ela foi erguida pelo Pe. Aldo Giuseppe Maschi, no local onde estava a capela dedicada a Santo Antônio. Nos dias de hoje, é avistada no alto da Av. São Lucas, com seus sinos que podem ser ouvidos a distância.

Um pouco de história
Fundado na década de 40, o bairro teve um povoamento difícil, devido as condições geográficas, o que prejudicou a região. A situação começou a se reverter com a chegada de migrantes que vinham de outros estados para trabalhar como operários na cidade.

A densidade demográfica deu um grande salto com a chegada do alemão Francisco Fett ao País, no final da Segunda Guerra Mundial. O dia 20 de janeiro de 1944 foi considerado a data de fundação, após encontrarem num cartório um documento que confirmava a compra das terras onde o bairro está localizado pela Predial de Lucca Ltda. Na década de 80, o Parque São Lucas foi separado da Vila Prudente, e considerado distrito, que fazia divisa com os bairros de Sapopemba e Vila Prudente e com os municípios de Santo André e São Caetano do Sul.

Comemoração adiada
Devido ao aniversário da cidade de São Paulo no dia 25 de janeiro e também ao período de férias, os festejos do Parque São Lucas costumam ocorrer nos meses de fevereiro e março. Atrações musicais, exposições, apresentação da Escola de Samba Unidos do São Lucas e jogos esportivos ajudam a compôr a festa.

Fonte:Revista IN