Saúde

Home/ Notícias Online/ Saúde/ Nutricionista alerta para os c...

Nutricionista alerta para os cuidados com alimentação no Carnaval

Publicada em : 13/02/2015

Saber escolher o que comer ajuda a evitar ressaca, mal estar e, de quebra, pode dar energia extra aos foliões


Aproveitar a folia do Carnaval com energia exige alguns cuidados. A combinação de ritmo intenso das festas, calor, grande consumo de bebidas alcoólicas e ingestão de alimentos calóricos pode prejudicar a saúde do folião. A nutricionista Paula Simões Garcia, do Seconci-SP (Serviço Social da Construção), dá dicas de alimentação para curtir o Carnaval com mais disposição e longe dos efeitos adversos do consumo excessivo de bebidas alcóolicas, a famosa ressaca:

Café da manhã

A primeira refeição do dia deve ser reforçada, rica em fibras e vitaminas. Por isso, pão e cereal integral, leite, iogurte, suco, ovos mexidos, vitamina e frutas são os alimentos recomendados.

Almoço e Jantar

Frituras e alimentos gordurosos devem ser evitados porque apresentam digestibilidade mais lenta, provocando cansaço e atrapalhando os momentos de festa. Carnes magras como frango, peixe, além de saladas e legumes cozidos tornam a refeição mais leve e nutritiva.

O ideal é incrementar o cardápio com carboidratos, dando preferência aos integrais, que além de fornecerem energia ao organismo, são fontes de fibras e vitaminas. Arroz ou macarrão integral, aveia, quinoa, amaranto, granola, batata e mandioquinha são algumas das opções.

Durante a folia

Ficar mais de quatro horas sem comer pode causar desequilíbrios no organismo, diminuindo a energia. Para não descuidar da alimentação durante a festa, recomenda-se levar lanches como barras de cereal e frutas que auxiliam na desintoxicação alimentar, fornecendo os nutrientes adequados para reforçar o sistema imunológico –exemplo da maçã, morango, pera e abacaxi.

A nutricionista alerta para o cuidado que se deve ter com alimentos vendidos na praia ou fora de casa, já que higiene e temperaturas inadequadas podem resultar em intoxicação alimentar. “Leve de casa, frutas, frutas secas, lanches armazenados em bolsa térmica se for o caso ou barras de cereais. Alimentos que não necessitam de refrigeração”, explica.

Antirressaca

O álcool deve ser consumido com moderação. “Faça uma refeição leve antes de ingerir bebidas alcoólicas e intercale seu consumo com água, água de coco e sucos de frutas cítricas naturais. Essa atitude ajudará a evitar os malefícios causados pela bebida e a desidratação do organismo”, recomenda Paula. A quantidade ideal é a ingestão de pelo menos dois litros de líquido por dia.

Fonte:CDN Comunicação Corporativa