Saúde

Home/ Notícias Online/ Saúde/ Centro para tratamento do vagi...

Centro para tratamento do vaginismo

Publicada em : 14/06/2011

Distúrbio sexual feminino dificulta a penetração durante as relações sexuais

O Projeto Afrodite, do Departamento de Ginecologia da Unifesp, inicia as atividades do Centro de Apoio e Tratamento do Vaginismo – CATVA, com o objetivo de atender às mulheres que sofrem de vaginismo, distúrbio que contrai a musculatura da vagina, impedindo a penetração do pênis e causando dor durante o ato sexual.

O centro surge a partir da necessidade de se acolher e tratar um número cada vez maior de mulheres com vaginismo que têm chegado ao Ambulatório de Sexualidade da Unifesp. No local, as pacientes contarão com uma equipe multidisciplinar, formada por médicos, fisioterapeutas e psicólogos, utilizando métodos de relaxamento e treino respiratório, bem como dessensibilização do corpo e do períneo.

De acordo com a ginecologista Carolina Carvalho Ambrogini, responsável pelo trabalho, os fatores que causam o vaginismo são diversos. “Educação muito rígida e severa dos pais durante a infância, o desconhecimento do próprio corpo, medo de tocar a vagina e primeiras relações sexuais traumáticas podem levar uma mulher a desenvolver esse distúrbio”, explica a ginecologista.

O Centro de Apoio e Tratamento do Vaginismo – CATVA está localizado à Rua Embaú, 66, na Vila Clementino. Mais informações podem ser obtidas pelo telefone (11) 5549-6174.

Fonte:CDN – Comunicação Corporativa