Saúde

Home/ Notícias Online/ Saúde/ IBCC comemora o Dia Mundial se...

IBCC comemora o Dia Mundial sem Tabaco

Publicada em : 30/05/2011

O tabaco está relacionado a diversos tipos de câncer e mata cada vez mais

A Organização Mundial da Saúde (OMS) instituiu o dia 31 de maio como Dia Mundial sem Tabaco. Segundo a OMS, anualmente o cigarro é responsável pela morte de 4,9 milhões de pessoas no mundo e também a causa de 30 a 40% das mortes por câncer.

Por isso, é inevitável a associação do tabagismo com o câncer, mas muitas vezes a preocupação é voltada apenas para o câncer de pulmão e deixam de ser considerados outros tipos da doença que estão relacionados direta ou indiretamente com o fumo.

Segundo a médica Célia Tosello, chefe de Departamento de Oncologia Clínica do Instituto Brasileiro de Controle do Câncer (IBCC), “além da conhecida correlação entre o hábito de fumar e maior risco de câncer de pulmão, vários outros tipos de câncer estão associados ao tabagismo. Alguns trabalhos da literatura confirmam o maior risco para os tumores de rim, fígado, trato urinário (incluindo bexiga), pleura (mesotelioma), leucemia mielóide, pâncreas, cavidade nasal e seios paranasais, estômago, trato aero-digestivo alto e colo uterino”.

O tabagismo também pode estar relacionado ao câncer de mama. Um estudo realizado recentemente pelo Departamento de Comportamento de Saúde do Roswell Park Cancer Institute, nos EUA, comprovou que mulheres que vivem ou trabalham em ambiente sem cigarro têm menor propensão ao desenvolvimento do câncer de mama. Os estados americanos com um número menor de mulheres fumantes apresentaram um índice significativamente menor de morte por câncer de mama.

Outro perigoso câncer associado ao tabagismo é o câncer de cabeça e pescoço, onde o cigarro pode aumentar em até 15 vezes as chances do seu desenvolvimento. Uma pesquisa realizada pelo Setor de Oncologia do Instituto do Câncer do Estado de São Paulo (Icesp), aponta que cerca de 95% dos pacientes com tumores de cabeça e pescoço são fumantes ou têm histórico de tabagismo.

Mesmo com esses dados alarmantes, no Brasil 16% da população são fumantes, o que corresponde a um número de 32 milhões de pessoas. No mundo, o número de tabagistas corresponde a 1,1 bilhões de pessoas

Fonte:Activa Comunicação