Saúde

Home/ Notícias Online/ Saúde/ Melhores tratamentos

Melhores tratamentos

Publicada em : 04/02/2019

Tecnologias de diagnóstico por imagem são aliadas na manutenção da saúde do fígado e dos rins

Divulgação
Evitar o consumo de álcool e manter dietas equilibradas são atitudes que certamente os pacientes devem adotar para manter a saúde do fígado e dos rins em dia ao longo da vida. Porém, o que muitas pessoas não imaginam é que a evolução da tecnologia e a melhoria na precisão dos procedimentos de diagnóstico por imagem também têm se tornado grandes aliados dos profissionais de saúde para a detecção precoce de alterações nesses órgãos e orientações dos melhores tratamentos.

Diante disso, a Samsung tem investido em ferramentas cada vez mais especializadas e que fornecem novas perspectivas e informações adicionais para garantir a tomada de decisões seguras para os médicos. São elas: o MV-FlowTM e o ShearwaveTM, encontrados nos equipamentos de ultrassom da marca como o RS85 (conta com ambos os recursos) e o HS70 Prime (ShearwaveTM).

O MV-Flow™ é uma nova alternativa para a visualização de estruturas microvascularizadas de fluxo lento durante o ultrassom com Doppler colorido. As altas taxas de quadros e o algoritmo de filtragem e processamento avançado permitem que a ferramenta exclusiva forneça uma visão detalhada do fluxo sanguíneo em relação ao tecido circundante ou à patologia, com resoluções espacial e  temporal aprimoradas.

O ultrassom com Doppler colorido pode ser solicitado para avaliar praticamente todas as regiões do corpo. No caso dos rins, o exame costuma ser indicado para estudar o fluxo das artérias do órgão, para identificação de estreitamentos e fechamento destes vasos, causas de hipertensão arterial de difícil controle. Também podem ser indicados para investigação de causas de alterações nos rins, como diminuição do tamanho, suspeita de aneurismas ou deformidades.

Já a elastografia S-ShearwaveTM, tecnologia avançada também disponível nos aparelhos de ultrassom da marca como o RS85 e o HS70 Prime, permite mapear e determinar a fase de desenvolvimento de lesões no fígado de forma mais eficaz e menos invasiva. O exame é utilizado para avaliar o grau de fibrose hepática causado por doenças crônicas, como, por exemplo, a hepatite. O procedimento é rápido, com duração média de 5 a 10 minutos, não causa dor e não necessita de agulhas ou cortes, substituindo biópsias desnecessárias em muitos casos.

A tecnologia S-ShearwaveTM detecta, de forma precisa, a velocidade da onda de cisalhamento por meio da lesão em m/s e exibe o valor numérico da rigidez em kPa, além de um índice que reflete o nível de confiabilidade da medição. Outro ponto crucial é o potencial de reduzir o número de biópsias hepáticas convencionais, fornecendo informações quantitativas sobre as características do tecido.

Os exames de imagem têm o objetivo de detectar e diagnosticar lesões hepáticas, avaliar a sua gravidade e monitorar a sua evolução, auxiliando os médicos na escolha do melhor tratamento. Por isso, a triagem e identificação precoce são tão importantes e contribuem para a qualidade de vida dos pacientes, já que lesões hepáticas significativas podem ocorrer com sintomas escassos ou mesmo ausentes até a doença atingir um estágio avançado.

“O objetivo da Samsung é apoiar os profissionais de saúde com soluções médicas de ponta que ofereçam informações adicionais de valor e que possam auxiliar na orientação do melhor tratamento clínico, resultando sempre em benefícios tanto para os médicos quanto para os pacientes”, reforça Nelson Ozassa, diretor da Divisão de HME da Samsung Brasil.

Para mais informações, acesse: www.samsunghealthcare.com

Fonte:Samsung