Saúde

Home/ Notícias Online/ Saúde/ Semana do Aleitamento Materno

Semana do Aleitamento Materno

Publicada em : 03/08/2011

Amamentação deve ser exclusiva por seis meses

Amamentar é muito mais que alimentar e nutrir: é transmissão de afeto, carinho, nutrientes balanceados e fatores imunológicos, que vão prevenir doenças a curto, médio e longo prazo, promovendo a saúde física, mental e psíquica da criança e da mulher que amamenta.

A Organização Mundial da Saúde, o Ministério da Saúde e a Sociedade Brasileira de Pediatria recomendam a amamentação exclusiva por seis meses. A partir desse período, a amamentação pode ser complementada com outros alimentos, até dois anos.

A amamentação é como um fator que contribui para a redução da mortalidade infantil. Certamente o aleitamento materno é um dos fatores que contribuíram com a diminuição do coeficiente de mortalidade infantil em São Paulo, que em 2009 foi o menor da série histórica: 11,95 a cada mil nascidos vivos.

Programa Mãe Paulistana e Saúde da Criança e do Adolescente
A Semana Mundial da Amamentação terá programação especial com palestras e caminhadas. “O objetivo do evento é explicar à população como a amamentação é capaz de prevenir doenças na mulher, como câncer de ovário e de mama, além de contribuir para o desenvolvimento físico e emocional da criança”, informa a coordenadora do Projeto de Aleitamento do Programa Mãe Paulistana, Maria José Guardiã Mattar. As cinco regiões da capital também prepararam encontros em diversas Unidades Básicas de Saúde (UBS), para orientar as mães, tirar dúvidas e incentivar a doação de leite.

No dia 6 de agosto haverá a I Caminhada de Amamentação do Rotary Butantã no Parque Villa Lobos e, encerrando o cronograma, no domingo (7), a III Caminhada de Amamentação do Rotary Aclimação, no Parque da Aclimação, ambas às 9h.

Fonte:Revista IN