Notícias

Home/ Notícias Online/ Notícias/ Global RepTrak® 100

Global RepTrak® 100

Publicada em : 05/06/2014

Google e Walt Disney são as empresas com maior reputação

divulgação
O Reputation Institute, consultoria líder mundial em gestão da reputação, divulga hoje os resultados da pesquisa 2014 - Global RepTrak® 100 -  principal estudo que avalia anualmente a reputação das maiores empresas globais em 15 diferentes países, a partir de entrevistas realizadas com milhares de consumidores. A edição deste ano ouviu 55 mil pessoas entre janeiro e fevereiro de 2014. A pesquisa consolida os resultados em um ranking global das 100 empresas com a mais alta reputação a partir do grau de estima, admiração e simpatia e confiança que despertam em seus consumidores. Tal vínculo é explicado no estudo por meio de sete dimensões tangíveis: “produtos e serviços”, “inovação”, “governança”, “cidadania”, “liderança”, “performance” e “ambiente de trabalho”.  

As empresas Google e The Walt Disney Company são as mais bem posicionadas no ranking Top 10 da 2014 Global RepTrak® 100. Ambas aparecem dividindo o primeiro lugar com 77,3 pontos, o que significa uma reputação forte. Porém, nenhuma das 100 companhias avaliadas conquistou o patamar de excelência, acima dos 80 pontos. As empresas Rolex e BMW figuram juntas no 3º lugar, seguidas da Sony, Canon, Apple, Daimler, Lego e das gigantes Microsoft e Samsung, na 10º colocação.

“A novidade é a Samsung, que não apareceu na lista das 10 mais bem posicionadas em 2013 e nem em 2012. A Nestlé é a única ausência do ranking, em comparação com 2013. Ela ocupou o 9º lugar ano passado, mas ficou fora da lista este ano; o Google saiu da 4º posição para o topo e The Walt Disney subiu do 2º para o 1º lugar”, compara a profa. Ana Luisa de Castro Almeida, diretora executiva do Reputation Institute no Brasil.

Recortes específicos

A metodologia do estudo do Reputation Institute também permite recortes por região e dimensões avaliadas. Walt Disney é a empresa mais bem avaliada na dimensão “cidadania” (71,2), e o Google conquistou a melhor performance nas dimensões “liderança” (77,5), “desempenho financeiro” (79,6) e “ambiente de trabalho” (76,6).  Na dimensão “inovação”, a Apple leva o primeiro lugar (80,7). A empresa Rolex é a mais bem avaliada no quesito “produtos e serviços” (81,7); enquanto a BMW figura como a melhor em “governança” (72,2). 

Na Austrália, Walt Disney e Google têm a mais alta reputação nos 15 países consultados, com reputação considerada excelente, acima dos 80 pontos. Aos olhos dos brasileiros, as empresas têm reputação forte, de 75,4 e 77 pontos, respectivamente. Na França está o menor índice de reputação à empresa Walt Disney 70,2 enquanto na Coreia do Sul o Google tem 68,2 pontos. 

“A pesquisa mostra também que nem mesmo as melhores empresas conseguem atingir uma reputação considerada excelente em diferentes mercados. Segundo o estudo, apenas Samsung, BMW, Sony e Disney entraram na seleção das “10 mais” em 9 dos 15 países da pesquisa”, diz Ana Luisa. “Isso mostra a importância do olhar local dentro de uma gestão global, um desafio para a maioria das empresas que atuam internacionalmente”, completa a executiva.  

Os países contemplados no estudo foram Brasil, México, Canadá, EUA, Alemanha, Itália, Espanha, Reino Unido, França, Rússia, Índia, China, Coreia do Sul, Japão e Austrália.

Sobre o Reputation Institute

Reputation Institute é a consultoria líder mundial em gestão da reputação corporativa. Fundada em 1997 por Dr. Charles Fombrun e Dr. Cees van Riel. O RI desenvolveu a metodologia de análise de reputação RepTrak® e realiza, anualmente, o Global RepTrak ® 100 - maior estudo global de reputação corporativa. O Reputation Institute contribui para que as organizações compreendam melhor a relação entre suas iniciativas, sua reputação e seus resultados, com o objetivo de gerar mais valor nas interações com stakeholders. Com atuação em mais de 30 países, atende atualmente corporações de renome em todo o mundo. No Brasil, o Reputation Institute é dirigido pela Profa. Ana Luisa Almeida de Castro.

Fonte:Textual Serviços de Comunicação