Notícias

Home/ Notícias Online/ Notícias/ O crescimento desenfreado de h...

O crescimento desenfreado de hipopótamos na Colômbia

Publicada em : 22/08/2011

Matrizes foram clandestinamente trazidas da África por Pablo Escobar e seus descendentes ameaçam moradores

Pablo Escobar importou ilegalmente da África quatro hipopótamos na década de 1980, que integraram o seu zoológico particular mantido na Fazenda Nápoles, na Colômbia. Depois da derrocada do império do tráfico construido por Escobar, estes animais foram abandonados na propriedade. No quarta, 31 de agosto, às 21h, o Discovery Channel investiga o paradeiro dessas matrizes e os impactos de sua linhagem no ecosistema e na vida dos moradores locais, com a estreia de Os Hipopótamos do Tráfico (Escobar's Cocaine Hippos).

Por meio de entrevistas exclusivas com veterinários, especialistas em tráfico de drogas e com Roberto Escobar, irmão mais velho e confidente de Pablo, a produção mostra as origens do zoológico clandestino, assim como impacto ambiental ocasionado por seus hóspedes.

Hoje, quase duas décadas pasadas desde a morte de Escobar, os hipopótamos se reproduziram dentro e fora da propriedade e se transformaram em uma ameaça. Apesar de sua aparência tranquila, estes são animais intempestivos, territoriaslistas e agressivos; uma das espécies que mais mata humanos e que, deslocados de seu ecosistema, ameaçam os moradores da região.

A produção acompanha uma expedição de um grupo de veterinários que recorre ao uso de armadilhas, câmeras, sensores, além da colaboração do exército colombiano para localizar um dos hipopótamos. O objetivo inicial, uma vez encontrado o animal, é o de castrá-lo. Entretanto, resta a dúvida sobre as providências posteriores: deixar o animal vivendo em cativeiro na Colômbia, enviá-lo de volta à África ou o sacrificio? Os Hipopótamos do Tráfico explora as vantagens e desvantagens de cada uma destas opções e convida o público a analisar o complexo dilema ecológico e humano, que representa mais um dos legados de Pablo Escobar.

Calcula-se que este hipopótamo faça parte de um grupo com 35 indivíduos da mesma espécie que ocupam a propriedade e seu entorno, o que representa a maior concentração destes animais fora da África. O lar da manada é o vale do Rio Madalena, onde os animais vivem favorecidos pela abundância de água e pasto, a milhares de quilômetros de seu hábitat natural. OS HIPOPÓTAMOS DO TRÁFICO mostra o drama diário que vivem as pessoas das regiões próximas da Fazenda Nápoles e documenta a o complexo trabalho de identificação e captura dos hipopótamos que conseguiram escapar da propriedade.

Os Hipopótamos do Tráfico é uma produção da Explora Films da Colômbia, para Discovery Channel, dirigida por Mauricio Dominguez Velez. O projeto foi supervisionado por Michela Giorelli, vice-presidente de produção e desenvolvimento da Discovery Networks Latin America / US Hispanic.

Os Hipopótamos do Tráfico
Canal: Discovery Channel
Estreia: quarta-feira, 31 de agosto, às 21h
Classificação indicativa: 16 anos

Fonte:Paula Martinelli | Astrid Vasconcellos