Educação

Home/ Notícias Online/ Educação/ Escolas estaduais da capital e...

Escolas estaduais da capital e região metropolitana organizam corais de Natal para despedida de 2014

Publicada em : 19/12/2014

Levantamento da Secretaria mostra que 130 unidades de ensino já programaram apresentações que objetivam aproximar as comunidades escolares



As escolas da rede estadual paulista organizaram uma temporada de apresentações de corais de Natal formadas por alunos, professores e funcionários. As apresentações marcam a despedida do ano letivo de 2014 e visam também aproximar ainda mais a comunidade escolar das unidades, já que muitos espetáculos são abertos ao público e, muitas vezes, são oportunidades únicas de diversão e de passeio cultural para a vizinhança local.

Levantamento da Educação mostra que ao menos 130 escolas do Estado estão com programação definida de apresentação dos grupos musicais, sendo 32 delas na capital e região metropolitana. Na zona leste, o trabalho realizado com os corais de natal alcança uma média de 600 alunos e, neste ano, 18 escolas se apresentam nas próprias unidades de ensino e nas diretorias. Já na zona norte, seis escolas se despedem de 2014 cantando as canções natalinas mais conhecidas. As apresentações são gratuitas e abertas para todo o público.

Na região metropolitana, oito escolas apresentam corais de natal, sendo seis delas da Diretoria de Ensino de Caieiras e duas de Osasco. Ao todo, cerca de 1.100 estudantes que pertencem à região administrativa cantarão músicas natalinas para celebrar o fim do ano.

"Um dos compromissos da Secretaria é fazer com que as escolas sejam mais do que um espaço de aprendizado, mas também de interação social, cultural e até de diversão para toda a comunidade escolar. Quando a comunidade é participativa, todos saem ganhando já que o impacto positivo é direto no ensino", afirma o secretário da Educação, professor Herman Voorwald.

No repertório das músicas natalinas ensaiadas pelos alunos, estão canções conhecidas como “Sapatinho de Natal”, “Quero Ver Não Chorar”, “Eu Pensei que Todo Mundo Fosse Filho de Papai Noel”, entre outros clássicos.

Fonte:Secretaria da Educação do Estado de São Paulo