Educação

Home/ Notícias Online/ Educação/ Festival Esportivo e Cultural ...

Festival Esportivo e Cultural de Alunos Surdos

Publicada em : 28/09/2011

Até novembro, a Secretaria Municipal de Educação promove o VI Festival Esportivo e Cultural de Alunos Surdos

O evento começa no dia 29 e será marcado por uma série de atividades esportivas descentralizadas em diferentes unidades do SESC, parceiro na realização do evento. Atividades recreativas, oficinas e competições de xadrez, handebol, futsal e atletismo estão previstas na programação, que termina em 11 de novembro.

Criado em 2005, o Festival tem por objetivo promover a integração e o intercâmbio entre surdos e deficientes auditivos. E, desse modo, pretende ampliar as oportunidades de socialização, aquisição de hábitos saudáveis, treinamento e utilização das regras esportivas. Além de difundir a prática das várias modalidades esportivas, favorecendo o surgimento de novos talentos do esporte e da cultura surda, a vivência no uso de LIBRAS é outro ponto importante do Festival.

Este ano, além de reunir alunos das seis Escolas Municipais de Educação Especial (EMEEs), de cinco unidades do Ensino Fundamental (EMEFs) e do CIEJA Professora Rosa Kazue Inakake de Souza - todos da Rede Municipal de Ensino de São Paulo -, o evento conta também com a participação de crianças e jovens de quatro escolas particulares e de uma escola municipal de São Bernardo do Campo, ultrapassando os 2 mil participantes. A iniciativa é um dos exemplos do fortalecimento da política de educação inclusiva promovida no município de São Paulo pela Secretaria, que desenvolve ações de capacitação dos educadores e treinamento para capacitar alunos surdos para competições com as mesmas condições técnicas de torneios iguais para alunos ouvintes.

No primeiro dia do festival, os alunos participam da cerimônia de abertura no SESC Interlagos. A cerimônia também prevê a apresentação do espetáculo Gigantes de Ar, da Companhia Pia Fraus. Os alunos também farão o Juramento do Atleta e participarão de um torneio de xadrez, de uma competição de queimada e outros jogos recreativos. Na edição anterior, participaram 2,1 mil alunos, oriundos das EMEEs e EMEFs, cinco outras da Capital, além de representantes dos municípios de São Bernardo do Campo e Cotia. Neste ano, o evento apresenta uma nova configuração, descentralizando as competições esportivas em polos regionais.

Fonte:SECOM - Prefeitura da Cidade de São Paulo Coordenação de Imprensa