Educação

Home/ Notícias Online/ Educação/ Tecnologia no reforço

Tecnologia no reforço

Publicada em : 26/03/2019

Como reforço escolar e não só uma distração

Divulgação
Com o início do último bimestre escolar nesta época do ano, a preocupação dos pais durante todo o ano letivo chega em seu limite com o medo das notas baixas, ou até mesmo da reprovação em alguma disciplina. E é com especial preocupação que muitos pais encaram a necessidade de auxiliar seus filhos numa disciplina que muitas vezes não tem a mínima intimidade, o inglês. Afinal, muitos pais ainda desconhecem que as tecnologias disponíveis para celulares e tablets, podem atuar como aliadas, e não apenas como distração, nos estudos dessa geração que cresceu imersa em um novo mundo tecnológico.

Segundo um estudo realizado pela Lingokids, plataforma de ensino online de inglês para crianças, 97,0% dos pais brasileiros consideram apropriado o uso da tecnologia como um complemento no ensino de crianças de tenra idade. Mas, 21,0% dos entrevistados, afirma nunca ter experimentado o uso de um aplicativo na educação dos seus filhos. Além disso, se falamos do ensino de inglês nas escolas no Brasil, 97,3% dos pais consideram que o reforço extracurricular seria importante para o aprendizado correto da língua.

Uma boa ideia para levar os estudos dos pequenos para rotina da casa, é através de jogos ou aplicativos divertidos que simulem uma diversão descompromissada. O aplicativo da Lingokids faz exatamente isso com a matéria do inglês, e contém diferentes tipos de atividades de alfabetização para atender a diversos estilos de aprendizagem, com jogos e exercícios desenvolvidos por especialistas com apoio da Oxford University Press. Expondo as crianças a mais de 3.000 palavras de vocabulário, o aplicativo adapta cada lição à velocidade de aprendizado da criança, gerando relatórios semanais parAlex, a o acompanhamento do progresso pelos pais.

Segundo especialistas, a primeira infância é a época ideal para o aprendizado de línguas, período em que a absorção de um novo vocabulário é capaz de duplicar, mas, infelizmente, não é uma realidade para todas as famílias a educação de seus filhos em uma escola bilíngue. "Independentemente de não comparecer a uma escola bilíngue, a Lingokids oferece um curso abrangente com base em diferentes tipos de atividades como jogos interativos, vídeos, músicas com personagens animados, histórias e etc., tudo para ajudar os pequeninos a se divertir e aprender sem perceber, mantendo a atenção e obtendo melhores resultados de aprendizagem", diz Cristóbal Viedma, CEO y cofundador de Lingokids, que tem mais de 400,000 famílias registradas no Brasil.

Esta plataforma com seu programa imersivo e estimulante de aprendizado, envolve as crianças em atividades divertidas sem perder a complexidade, sendo uma opção ideal para crianças entre os 2 e os 8 anos que dão os primeiros passos em uma nova língua ou que necessitam complementar a teoria que aprendem na escola. Para a diretora de Tecnologias de Aprendizagem da New America Foundation, Lisa Guernsey, autora do livro “Toque, Clique e Leia” com Michael Levine, crianças a partir de 18 meses já podem se beneficiar do uso de dispositivos tecnológicos, mas, é importante que os pais participem ativamente dessas interações, supervisionando a qualidade do conteúdo que seus filhos consomem e o tempo de uso, bem como estabelecendo horários para brincadeiras, estudo, refeições e descanso.

Fonte:Lingokids