Cultura

Home/ Notícias Online/ Cultura/ Como ser uma pessoa pior

Como ser uma pessoa pior

Publicada em : 27/06/2014

A peça que encerra o mês de junho no projeto “Teatro na Mário” da Biblioteca Mário de Andrade vai retratar Amabile

Divulgação
Como ser uma pessoa pior é a atração escolhida pelo Clube do Mecenas, coletivo cultural de fomento a conexões entre artistas, empresas e governos para a sustentabilidade das artes, parceiro da Biblioteca Mário de Andrade na iniciativa “Teatro na Mário” que quinzenalmente abre seu anfiteatro para o público.

As apresentações ocorrem às segundas-feiras, a partir das 19h. A entrada é gratuita. O público pode retirar os convites com até uma hora de antecedência na recepção da Biblioteca Mário de Andrade.

“Com ser uma pessoa pior é uma reflexão à vida contemporânea de muitas mulheres, representada com intensidade pela atriz Lulu Pavarin”, destaca Lucas Lassen, diretor do Clube do Mecenas.

Ao longo da temporada “Teatro na Mário” o público terá a oportunidade de conhecer estilos nacionais, como a Procissão, de Gero Camilo, apresentada no último dia 16, e também internacionais. “Selecionamos uma programação diversa de natureza artística. Traremos duas companhias espanholas, a Sphota! Teatro e a Drume Teatro e a estreia mundial do novo espetáculo da companhia franco-brasileira Plataform 88” revela Lucas Lassen.

O projeto “Teatro na Mário” faz parte da iniciativa transformada em lei (15.052), em 2009, para diversificar as atividades da Biblioteca Mário de Andrade. Nas dependências do edifício histórico, inaugurado em 1942, a programação inclui exposições, shows, e apresentações de cinema e teatrais.

Fonte:Andina Comunica