Cultura

Home/ Notícias Online/ Cultura/ Museu do Futebol

Museu do Futebol

Publicada em : 19/05/2014

Museu recebe o nome de Gylmar dos Santos Neves

Divulgação
Em 13/05, a Câmara Municipal de São Paulo aprovou o PL 2/2007, de autoria dos Vereadores Toninho Paiva (PR) e Goulart (PSD), que denomina Gylmar dos Santos Neves o Museu do Futebol paulista, criado pela Lei nº 13.989, de 16 de novembro de 2004.

A denominação do Museu do Futebol, um dos principais pontos turísticos da cidade da São Paulo (SP), localizado no Pacaembu, é uma homenagem ao goleiro, falecido em 2013, que foi bicampeão com a seleção brasileira das Copas do Mundo de 1958 e 1962, e um ídolo nacional.

Segundo o Vereador Toninho Paiva, Gylmar entrou para a História como um dos maiores goleiros do futebol brasileiro e merece essa justa homenagem. “Homenagear Gylmar é uma obrigação de todos brasileiros e brasileiras pelo que ele representou no futebol brasileiro e como bicampeão do mundo. Sem dúvida, ele foi um dos maiores goleiros que o futebol já teve no Brasil e no mundo. Acho ainda que é pouco dar o nome do museu, devemos eternizar sua história para que todos saibam quem foi este ícone do futebol”, disse.
 
Sobre Gylmar
Dono de uma brilhante carreira no futebol brasileiro, Gylmar dos Santos Neves conquistou quatro títulos mundiais, sendo dois pelo Santos (1962, 1963) e dois pela seleção brasileira (1958 e 1962), além de duas Libertadores, cinco Taças Brasil e oito Campeonatos Paulistas. Foi goleiro do Corinthians de 1951 a 1961 e do time da Vila até 1969. Morreu no dia 25 de agosto de 2013, aos 83 anos, vítima de um AVC.

Fonte:Assessora de comunicação Toninho Paiva