Cultura

Home/ Notícias Online/ Cultura/ “Cândida” de Bernard Shaw\" re...

“Cândida” de Bernard Shaw" reestreia no CIT-ECUM

Publicada em : 03/07/2013

“Todo o amor que há no mundo esta esperando para falar, mas não se atreve porque é tímido, tímido, tímido. Essa é a tragédia do mundo.” Bernard Shaw


Após carreira de sucesso iniciada em 2008, com temporadas em São Paulo, Rio de Janeiro e turnê por várias cidades do Brasil, a montagem do Núcleo Experimental volta para nova temporada. A peça, de 1895, é do grande dramaturgo irlandês Bernard Shaw, pouco montado no Brasil.
A peça reestreia dia 12 de julho e fica em cartaz até o dia 04 de agosto, às 21h (sextas e sábados) e às 20h (domingos), no CIT-ECUM.

Amor, casamento e identidade masculina são os temas centrais do texto. Escrita em 1895 e uma das mais populares de Shaw, a peça ameaça colocar em cena um adultério, a ser praticado por Cândida, a devotada esposa do reverendo Morell, pastor anglicano de ideologia socialista e integralmente dedicado à sua causa político-religiosa. Ao conhecer o jovem Marchbanks, poeta e aristocrata, ela acaba por se encantar por ele. O embate entre esses homens conduz a história, e a peça tem um final surpreendente, quando Cândida dá provas de ser fiel – a si mesma. A natureza da fé religiosa, o embate Socialismo versus Capitalismo, a decadência da nobreza e a Londres da era vitoriana também estão presentes na obra.

Fonte:Núcleo Experimental