Cultura

Home/ Notícias Online/ Cultura/ Teatro Viradalata

Teatro Viradalata

Publicada em : 30/06/2011

A cidade tem novo espaço cultural de Alexandra Golik, no bairro de Perdizes, Zona Oeste

A cidade de São Paulo ganha novo espaço para as artes. Localizado em Perdizes, na rua Apinagés, 1387, o Teatro Viradalata abre para público com a estreia dos espetáculos Mamy dia 1º de julho, sexta-feira, às 21h30horas, e Medinho Medão, dia 2 de julho, sábado, às 16 horas), respectivamente adulto e infantil. A peça Sequestro adulta, entra em cartaz dia 6 de julho para temporada às quartas e quintas às 21 horas.

Com administração e coordenação artística de Alexandra Golik, atriz, autora e diretora premiada, o teatro tem arquitetura moderna e tecnologia de ponta, inicialmente com capacidade para 100 espectadores. O projeto final é plateia com 250 lugares – essa fase, em construção, tem previsão para estar pronta em novembro de 2011. O teatro tem projeto arquitetônico de Kátia Bonfim Pestana, em colaboração com Alexandra Golik e execução do engenheiro Terto Alves de Oliveira Neto, da Impakta Engenharia.

O nome Viradalata é uma clara homenagem ao cão sem raça definida. “Tenho uma grande paixão pelos animais, sobretudo por aqueles menos favorecidos como os cães abandonados. Além disso, em Viradalata está presente também o conceito de virada e transformação, parte fundamental do papel do artista”, explica Alexandra, que simultaneamente continua com a Cia Le Plat du Jour.

Serviço
Viradalata - Rua Apinajés, 1387. Perdizes. Telefone - 11 3868-2535. Tem ar condicionado. Capacidade atual – 100 lugares. Acessibilidade. Bilheteria - de quarta a domingo a partir das 14 horas. Estacionamento – Vallet a R$ 15,00. www.viradalata.com.br. Programação: Mamy - sexta às 21h30, sábado 21h e domingo 20h. Medinho e Medão - sábados e domingos às 16h. Sequestro – quartas e quintas às 21h.

Fonte:Arte Plural