Cultura

Home/ Notícias Online/ Cultura/ Grávido

Grávido

Publicada em : 09/04/2013

Trocas rápidas de uma cena para outra garantem dinâmica e humor ao espetáculo visto por mais de 17 mil pessoas



Ao som de paródias engraçadas de clássicos de Madonna, Michael Jackson, ABBA e Bee Gees, um tresloucado pai dança até cair exausto no chão – valem todos os esforços na difícil missão de entreter e tomar conta do filho. Mostrando que os homens também cortam um dobrado para dar conta da nova condição, a comédia Grávido completa um ano em cartaz exatamente no dia de sua nova temporada. 

Em formato de esquetes, várias situações se desenrolam, como aprender a trocar fraldas, a experiência de dar banho, a filmagem do parto, a babá eletrônica, o treinamento para ser pai e as visitas dos familiares. A diretora Alexandra Golik imprime seu estilo em trocas rápidas de uma cena para outra e movimentos quase coreografados.

O cenário de Marco Lima possibilita a entrada e saída de vários personagens (interpretados apenas pelos dois atores) e ajuda a construir imagens lúdicas e mágicas.  Projeções e efeitos de luz compõem vários espaços para a ação da peça – que estreou em 2012 no Teatro Cleyde Yáconis e passou também pelo Teatro Folha.

Os atores Marcelo Laham e Fábio Herford mostram agilidade, atuando com uma interpretação que exige esforço físico para dar vida do jeito mais engraçado possível à variadas situações. Desde o esforço hercúleo para entreter o novo ser que ainda engatinha e colocar para dormir até as intermináveis listas de compras de objetos e produtos de higiene infantis.

Em meio a trapalhadas e incertezas, os pais modernos ficam às voltas com questões, como parto normal ou cesariana e até com a difícil tarefa de dividir o afeto da mulher com o ser que chegou para mudar suas vidas para sempre. Carregando nas doses de humor, expõe a perplexidade do homem diante da constatação de que, ao contrário das mulheres − naturalmente propensas ao carinho e cuidado com seus filhos – ele não foi preparado para encarar noites mal dormidas, fraldas, choros, mamadeiras e que sequer refletiu sobre o assunto e suas implicações.

Com uma visão delicadamente crítica das reflexões do homem contemporâneo, a partir do momento em que fica sabendo que vai ser pai, Grávido coloca a gestação e a criação dos filhos sob a óptica masculina, revelando sentimentos − como carinho, angústia, amor e raiva – que o homem enfrenta ao mergulhar no universo da paternidade.

Ficha Técnica:
Texto: Gustavo Kurlat, Marcelo Laham e Fábio Herford. Elenco: Marcelo Laham e Fábio Herford. Direção: Alexandra Golik. Cenografia: Marco Lima. Figurinos:  Chris Aizner. Iluninação: Wagner Freire / Armazém da Luz. Videos: Dr. Phibes. Fotografia: João Caldas. Programação Visual: Rodolfo Rezende / Estúdio Tostex. Músicas, letras e direção musical: Gustavo Kurlat. Música Incidental original, arranjos e produção musical: Gustavo Kurlat e Ruben Feffer. Voz Música “Até Parece”: Ronnie Von. Assessoria de Imprensa: Arteplural. Produção e Marketing: Gabriela Sanchez. Direção de Produção: Roberto Monteiro / Fernando Cardoso. Realização: Mesa 2 Produções.

Para Roteiro:
Temporada – Reestreia 20 de abril, sábado, às 22h, no Teatro Gazeta. Sextas-feiras às 21 horas, sábados às 22 horas e domingos às 18 horas. Ingressos: às sextas-feiras, R$40 (inteira) e R$20 (meia); aos sábados, R$60 (inteira) e R$30 (meia); e aos domingos, R$50 (inteira) e R$25 (meia). Censura: 12 anos. Duração: 80 Minutos.
TEATRO GAZETA - Av. Paulista, 900 – Térreo – Próx. ao Metrô Trianon. Informações: (11) 3253-4102. Horário de funcionamento da bilheteria: Terça a quinta das 14h às 20h e sexta a domingo das 14h até o inicio da última da sessão. Estacionamento: MultiPark (com selo do teatro), rua: São Carlos do Pinhal, 303 – Subsolo. De quinta a domingo, R$ 15,00 – Até 3 horas. Formas de pagamento na bilheteria - cartões e dinheiro. Capacidade: 700 lugares. Vendas por Telefone: Call Center Livepass (11) 4003-1527.

Fonte:Arteplural Comunicação