Cultura

Home/ Notícias Online/ Cultura/ Sem Concerto

Sem Concerto

Publicada em : 19/09/2011

A saga de uma dupla de palhaços muito atrapalhada que está prestes a lançar um disco de vinil


 

Carla Candiotto, atriz da premiada Cia Le Plat du Jour (responsável atualmente pela direção de Galinhas Aéreas, A Volta ao Mundo em 80 Dias e Histórias por Telefone - indicado ao Prêmio Femsa, 1º semestre, em 6 categorias, incluindo Melhor Direção) - traz aos palcos mais um espetáculo sob sua batuta. O infantil Sem Concerto estreia no dia 24 de setembro, sábado, às 16 horas, no Teatro União Cultural. Marcelo Lujan e Pablo Nordio, do Circo Amarillo, utilizam técnicas circenses e música ao vivo para contar a saga de uma dupla muito atrapalhada prestes a lançar um disco de vinil. A temporada vai até 13 de novembro com sessões, aos sábados e domingos, às 16 horas.

Na trama, dois palhaços estão na apresentação oficial do seu último e único disco. Eles usam até smoking para participar da noite de gala que celebra o lançamento. Porém, em meio às formalidades do evento, o inesperado acontece: o disco se quebra! A partir daí, começa a divertida aventura para fazer uma nova gravação e a dupla até apela para a participação de um artista convidado. Além de música ao vivo, a montagem agrega técnicas de circo e clowns.

Para a diretora, a montagem se destaca por utilizar dois músicos que criam uma comédia infantil com canções que conduzem o espetáculo. “Em meu processo de trabalho procuro utilizar o que os atores têm de melhor. Nesse caso, Marcelo Lujan e Pablo Nordio são músicos, além de palhaços engraçados, usamos todas essas qualidades para compor o espetáculo.”

O cenário é rodeado de discos e instrumentos musicais e simula um estúdio de gravação bem colorido. Durante a trama, as canções são tocadas de forma descontraída, onde o maior objetivo da dupla é se divertir. A maquiagem, os adereços cênicos, as danças, as acrobacias e os malabarismos dão um toque lúdico à peça. Um boneco também vira parceiro da dupla e até participa de um tango em cena.

As músicas funcionam como protagonistas, pois ditam o ritmo do espetáculo, representam a tentativa dos personagens de concertar o acidente que gerou a corrida contra o tempo para preparar o novo disco. Os palhaços mostram versatilidade ao tirar som do violão, trompete, saxofone, entre outros.

Todas as músicas são instrumentais, mas os dois fizeram uma versão bem humorada de Veinte Años, canção do Buena Vista Social Club - um clube de dança e música de Havana (Cuba) dos anos 40 - gravada pelo cubano Juan de Marcos González e o guitarrista americano Ry Cooder, em 1996.

“Tocamos os instrumentos de uma forma não convencional. Usamos uma mistura do lado acústico e tecnológico para conseguir um som diferente, além de mesclar o espetáculo com cenas bem engraçadas”, diz Marcelo Lujan.

Os atores argentinos são criadores do Circo Amarillo e sócios-proprietários do Circo Zanni. Eles convidaram Carla Candiotto para a direção, pois já conheciam o seu trabalho. “Ela dirige espetáculos dinâmicos, que têm um bom tempo cômico, presença de palco com a movimentação dos atores, o que traz uma vivacidade para a peça”, conta Lujan.

SEM CONCERTO – Estreia dia 24 de setembro no Teatro União Cultural. Criação - Circo Amarillo. Direção - Carla Candiotto. Elenco - Marcelo Lujan e Pablo Nordio. Iluminação - Paulo Souza. Cenário - Projeto Idéia. Trilha Sonora - Exentric Music. Duração – 60 minutos. Censura – livre. Capacidade - 285 lugares. Ingressos – R$30,00 e R$15,00. Temporada – Sábados e domingos às 16 horas. Até 13 de novembro.

Teatro União Cultural – Rua Mario Amaral, 209. Telefone 2148 2900 / 2148 2904. Horário de funcionamento da bilheteria: Segunda e terça, das 9h às 17 horas. Quarta a domingo, das 13h às 21h30. Aceita os cartões de crédito e débito: Visa, Máster, American Express e Diners. Possui acesso para deficientes e ar condicionado. Estacionamento conveniado na Rua Teixeira da Silva, 560 a R$10,00.

Fonte:Arteplural