Cultura

Home/ Notícias Online/ Cultura/ Cinema japonês em destaque

Cinema japonês em destaque

Publicada em : 15/08/2011

Retrospectiva inédita no Brasil da carreira Takashi Miike, cultuado cineasta japonês, com cópias raras em 35mm

De 17 a 28 de agosto, o Centro Cultural Banco do Brasil SP recebe a Mostra 20 Anos de Takashi Miike. Pela primeira vez no Brasil, é exibida uma retrospectiva deste cineasta japonês que ganhou fama de diretor cult no fim dos anos 90 com o filme "Audition", conquistando seguidores no mundo todo. A programação contempla 20 filmes, de diferentes períodos, de sua filmografia marcada por obras de temáticas polêmicas e de diferentes abordagens narrativas e estéticas.

Inédito no circuito mundial, o drama “Ichimei” (foto), exibido na competitiva oficial do Festival de Cannes 2011, ganha sessão especial em 3D na Cinemark do Shopping Santa Cruz, às 20h, no dia 27 de agosto. Logo após a exibição, será realizado um debate com os curadores da Mostra e com Takashi Miike. Diretamente do Japão, o diretor conversará ao vivo, via Skype, com os espectadores presentes.


A seleção da Mostra inclui inúmeros filmes representativos da carreira do realizador. Desde os cultuados "Audition", "Dead or Alive" e "Ichi The Killer", até os filmes mais raros do início de sua carreira, como a trilogia Kuroshakai, que terá exibição completa em 35mm nesta retrospectiva, com "Shinjuku Triad Society", "Ley Lines" e "Rainy Dog". O panorama apresenta toda a diversidade de estilos de Takashi Miike, da comédia de aventura para crianças "The Great Yokai War", passando pelo policial de máfia japonesa de "Agitator", ao road movie fantástico "The Bird People in China"; do drama homossexual de "Big Bang Love" ao terror agressivo de "Imprint". Destaque também para "Sukiyaki Western Django", que conta com a participação no elenco de Quentin Tarantino, diretor norte-americano publicamente admirador das obras de Miike.

Segundo os curadores, Davi Pretto e Jéssica Preuss, todos os filmes são extremamente raros no Brasil, com a grande maioria ainda inédita. Somado a isso, os filmes serão exibidos nas bitolas em que foram concebidos, com cópias raríssimas em película 35mm.

Após a realização em São Paulo, a Mostra 20 Anos Takashi Miike seguirá para o Rio de Janeiro, onde permanecerá de 30 de agosto a 11 de setembro, no Centro Cultural Banco do Brasil.

 

Fonte:Cinnamon Comunicação