Cultura

Home/ Notícias Online/ Cultura/ Serestas de sexta de Carnaval

Serestas de sexta de Carnaval

Publicada em : 28/01/2019

Programa gratuito e adequado para crianças!

Divulgação
Durante todo o mês de fevereiro, a casa dos Trovadores Urbanos estará esquentando o clima de carnaval com as Serestas de Sexta das Marchinhas, em encontros divertidos e animados, totalmente dedicados a esse ritmo contagiante, tão popular em nosso país.

A história das marchinhas carnavalescas é muita rica e interessante. A primeira delas foi uma composição de 1899, de Chiquinha Gonzaga, a famosa “Ó Abre Alas” e foi feita para o cordão carnavalesco Rosa de Ouro.  Nas décadas de 30, 40, 50 e 60, as marchinhas viveram momentos de auge nas vozes de artistas que se consagraram neste estilo como Braguinha, Carmen Miranda, João Roberto Kelly, Lamartine Babo, Manoel Ferreira, Dalva de Oliveira e muitos outros. Elas eram escolhidas em concorridos concursos no bairro da Penha, no Rio de Janeiro, e caíam nas graças do povo através da gravação em discos (que já acontecia em 1927), na divulgação através do Rádio e através dos blocos do carnaval de rua do Rio.

A simplicidade das marchinhas determinou seu sucesso entre o povo, pois as letras eram fáceis de decorar, assim como a melodia. Elas retratavam a sociedade da época, com temas dos mais diversos e não existia assunto proibido e o - então hoje - politicamente correto passava longe desse estilo musical, que até agora faz parte do nosso carnaval.

Nas Serestas de Sexta de Carnaval o repertório é muito animado e o público poderá se divertir e cantar as eternas “Oh Abre Alas”, “Bandeira Branca”, “Pierrô Apaixonado”, “Aurora”, entre muitas outras. A Seresta de sexta de carnaval é um evento gratuito e acontecerá nos dias 1, 8, 15 e 22/02 e 1/3, das 20 às 21h30, na rua Aimberê, 651, em Perdizes. Os portões da casa do s Trovadores Urbanos abrem às 19 horas.

Serviço
SERESTAS DE SEXTA DE CARNAVAL – CARNAVAL DAS MARCHINHAS

Rua Aimberê, 651 - Perdizes
Dias 01, 08,15 2 22/02 E 01/03
Das 20 às 21H30
GRATUITO

Fonte:Macida Joachim