Cultura

Home/ Notícias Online/ Cultura/ O Planeta Lilás

O Planeta Lilás

Publicada em : 02/08/2011

SESC Belenzinho apresenta peça infantil inspirada em livro de Ziraldo

Clássico da literatura infantil e obra prima de Ziraldo, O Planeta Lilás ganhou uma fascinante montagem teatral carioca, com adaptação de Carlos Arruda, também diretor da peça, e interpretação de Isabel Francisco e Fernando Leme. O espetáculo faz curtíssima temporada no SESC Belenzinho, em São Paulo, nos dias 6 e 7 de agosto, sábado e domingo às 12 horas.

O Planeta Lilás integra a programação complementar da exposição Linhas de Histórias – Um Panorama do Livro Ilustrado no Brasil, em cartaz no SESC Belenzinho até dia 29 de agosto, na qual Ziraldo é um dos homenageados.

O espetáculo conta a viagem do Bichinho (Isabel Francisco) que vive solitário em seu Planeta Lilás. Cansado de viver onde tudo é roxo, ele resolve construir um foguete e conhecer o universo. Nessa viagem, descobre outros planetas e conhece seus habitantes – o Branco, o Preto, as Cores, a Ideia, as Letras, o Ponto Final, personagens da história, interpretados por Fernando Leme. Assim, o Bichinho percebe que cada letra é uma estrela e que juntando as letras forma uma palavra, uma constelação. Só então descobre que o universo por onde viajou é um livro e que o Planeta Lilás não é bem um planeta e sim uma flor violeta guardada dentro do livro.

Serviço
Dias 6 e 7 de agosto – sábado e domingo - às 12h
SESC Belenzinho
Endereço: Rua Padre Adelino, 1000 - Belenzinho – São Paulo (SP)
Telefone: (11) 2076-9700 - www.sescsp.org.br/belenzinho
Teatro (392 lugares). Livre (faixa etária indicada: 4 anos).
Ingressos: R$ 8,00 (inteira); R$ 4,00 (usuário matriculado e dependentes, +60 anos, estudantes e professores da rede pública); R$ 2,00 (trabalhador no comércio e serviços matriculado e dependentes).
Estacionamento para atividades gratuitas: R$ 6,00 (1ª hora) + R$ 1,00 (p/hora) - não matriculado; R$ 3,00 (1ª hora) + R$ 1,00 (p/hora) - matriculado no SESC - trabalhador no comércio de bens, serviços e turismo/usuário.

Fonte:Assessoria de Imprensa - SESC Belenzinho